terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Geraldo Amancio e Valdir Teles-Mote em dez

Mote em decassilabo.

Tenho a minha viola pra vender
que eu não posso viver da profissão


Valdir Teles

Foi parceira comigo na estrada
Todas noites fazendo cantoria
No Brasil para os cantos que eu ia
Levava a viola afinada
Hoje em dia ela tá aposentada
Na camisa em um canto do salão
Se eu não posso afinar meu violão
De que é meu jesus que eu vou viver
Tenho a minha viola pra vender
que eu não posso viver da profissão

Geraldo Amancio

Arrancaram meu rim que não servia
Disse o medico que é bastante profundo
É preciso arrancar esse segundo
Inclusive marcou a Cirurgia
Eu espero essa data e esse dia
Eu não temo a segunda operação
O que temo é a tabua do caixão
Uma cova se abrir e eu descer
Tenho a minha viola pra vender
que eu não posso viver da profissão


*
clique no link e baixe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

o que você achou????